Mobilizações e atividades junto à base marcam o mês de maio

158

O mês de maio foi de intensas atividades em diversas searas, todas elas com a mesma finalidade: a defesa do trabalhador e das instituições públicas.

Reuniões com a base

A diretoria da AFBNB esteve reunida com trabalhadores de diferentes bases, tanto em visitas às unidades quanto nos momentos de rodas de conversa. Foi assim em Sergipe, quando estiveram reunidos com trabalhadores lotados na Superintendência; em Minas Gerais, com reunião na agência de Januária; no Maranhão, quando esteve reunida com trabalhadores do BNB na agência São Luiz Centro, Bacabal, Santa Inês e Timon; no Ceará, quando esteve na agência Fortaleza Centro e Passaré e no Piauí, onde se reuniu com os trabalhadores da Central de Varejo de Teresina e com o Superintendente do BNB no Piauí, Expedito Neiva. Na pauta, a apresentação de ações em defesa do Banco, ações judiciais, repasse da 55ª RCR de Fortaleza, assuntos relacionados à Camed/Capef, conjuntura, dentre outros pontos.

Dignidade previdenciária

A AFBNB participou em maio de diversos debates que discutiram dignidade previdenciária. O diretor Reginaldo Medeiros esteve no XX Congresso da ANAPAR, em São Paulo, onde os palestrantes apresentaram o cenário brasileiro atual, de perda de direitos sociais e de ataques ao sistema previdenciário; no 22º Encontro dos Profissionais de Benefícios do Norte e Nordeste, em São Luís/MA, onde foram abordadas as mudanças que transformam e trazem novas reflexões ao Sistema de Previdência Complementar; e no Encontro de Participantes Capef e Camed, no dia 15 em São Luís (MA).

Em seu pronunciamento, a presidente da AFBNB, Rita Josina, ressaltou a necessidade da organização, União e lutas dos trabalhadores pela manutenção das conquistas sociais, pelo fortalecimento das instituições de desenvolvimento/promotora de políticas públicas; na oportunidade fez referência às mobilizações em curso no país, tendo como referência à greve nacional no setor da educação contra os cortes de investimentos no setor. O diretor Reginaldo Medeiros lembrou que há procedimentos, como tomografia dentaria e exame da dengue, que estão sendo negados pela Camed. Desta forma, pediu revisão desta política de atendimento. Dorisval falou das Audiências Publicas em defesa do BNB.

A previdência também foi um dos temas abordados na Roda de Conversa realizada na sede da AFBNB no dia 9 de maio, com a presença do advogado Luís Cláudio Silva. A Roda discutiu ações pelo fortalecimento do BNB, saúde e previdência (Camed e Capef) e a PEC 06/2019, da reforma da previdência. A roda de conversa ocorreu após a Assembleia Geral Ordinária para aprovação das contas da entidade.

Ações institucionais

Lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Bancos Públicos

A AFBNB, integrante do Comitê em Defesa dos Bancos Públicos, participou no dia 8 de maio do lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Bancos Públicos, que reúne 199 deputados e 10 senadores de 23 partidos. A Frente tem o objetivo de dialogar com a sociedade sobre a importância dos bancos públicos para a soberania nacional e para o desenvolvimento econômico e social do país. Durante o ato, parlamentares e lideranças de trabalhadores destacaram a atuação séria e o compromisso dos bancos públicos e de seus trabalhdores nos investimentos em habitação, saneamento básico, infraestrutura urbana, educação, agricultura, entre outras áreas estratégicas para o desenvolvimento.

Rita Josina, diretora-presidente da AFBNB, lembrou a presença da Associação nas frentes em defesa do BNB a qual considera uma luta justa e urgente. “O BNB é um banco aparentemente pequeno se comparado ao Banco do Brasil e à Caixa Econômica mas é um banco que tem um desafio enorme porque convive com uma realidade historicamente construída de desigualdade. O BNB é o maior banco de desenvolvimento da América Latina, que opera o maior programa de microcrédito e faz um grande diferencial na vida da população”, afirmou. Ela apresentou dados que mostram a eficiência e eficácia da atuação do Banco: suas agências representam apenas 8% do total das agências bancárias do Brasil mas atendem a 70% do microcrédito, por exemplo. Em 2018, aplicou R$ 44 bi na área em que atua.

A dirigente da AFBNB destacou que os recursos operados com exclusividade pelo BNB são constitucionais, no caso o FNE, e que desviá-los de sua função é rasgar a Constituição e retirar do Banco as condições necessárias para que possa contribuir com a superação das desigualdades regionais tanto internas quanto entre as regiões.

“O ataque feito ao banco do Nordeste e ao FNE precisa ser refutado de forma contundente. Precisamos lutar como se não houvesse amanhã porque da noite para o dia as nossas vidas estão sendo reavaliadas e redimensionadas de acordo com o que manda o mercado financeiro internacional. O Banco do Nordeste é um banco regional que precisa ser tratado como um banco operador de políticas públicas”.

Sessão especial em Defesa dos Bancos Públicos

Lideranças do movimento bancário do País contribuíram para dar maior ênfase em Sergipe à luta contra o desmonte dos bancos públicos em Sergipe. Na tarde de 6 de maio, na Assembleia Legislativa (Alese), a Sessão Especial alusiva aos “50 anos da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe (Feebbase)” e “Em Defesa dos Bancos Públicos”. Rita Josina esteve presente à mesa solene, ao lado do dep. Estadual Luciano Pimentel, que presidiu o evento; da presidenta do Sindicato dos Bancários de Sergipe (SEEB/ SE), Ivânia Pereira da Silva Teles; presidente da CTB/SE, Adêniton Santana; presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe (Feebabase), Hermelino Souza Meira Neto; coordenadora do Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas e representante dos empregados no Conselho de Administração da Caixa Econômica Federal, Rita Serrano; presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Jair Pedro Ferreira; presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia (SEEB/BA), Augusto Sérgio Vasconcelo s; presidente da Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (AFBNB), Rita Josina Feitosa da Silva, vereador Américo de Deus, representante do Dieese/SE, Luís Moura, deputado federal João Daniel (PT), deputado estadual Iran Barbosa.

Mobilização parlamentar

O representante da AFBNB na Central de Crédito PRONAF de Pernambuco, José Ailton Nunes dos Santos, visitou o gabinete do Dep. Federal Silvio Costa Filho (PRB) no dia 20 de maio, juntamente com o Superintendente Estadual do BNB naquele estado, Ernesto Lima Cruz, para tratar, entre outros assuntos, do fortalecimento do BNB.

A AFBNB, firme, com resistência e autonomia

Gestão Unidade  e Luta

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome