Banco do Nordeste promete concurso. E só

273

Na negociação entre o BNB e a Comissão Nacional dos Funcionários, ocorrida nesta sexta-feira (17/08), de positivo mesmo só a confirmação da realização de concurso público para os níveis superior e médio. O certame é uma demanda antiga do movimento sindical para fortalecer o banco e melhorar as condições de trabalho nas agências.

O Banco do Nordeste disse que em relação às cláusulas econômicas seguirá a proposta da Fenaban (Federação Nacional dos Bancários). Também negou a assinatura de um pré-acordo, que garantiria a manutenção do atual acordo até a assinatura de um novo. Para isso, disse não ter autorização do governo federal.

A instituição financeira também não deu respostas para as questões pendentes, como a revisão do PCR (Plano de Cargos e Remuneração) e as condições da Camed.

Presente na rodada, a diretora do Sindicato dos Bancários da Bahia, Jeane Marques, é necessário ampliar o engajamento da categoria. “somente a mobilização da categoria pode garantir nossos direitos”.

Opinião semelhante tem o diretor da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Waldenir Britto, que ressalta que a única coisa positiva da negociação foi a confirmação do concurso. “Esperamos que seja realizado o mais breve possível, para ampliar o número de trabalhadores nas unidades”.

Uma nova rodada está prevista para acontecer na terça-feira (21/08), logo após a reunião com a Fenaban.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome