Bancos financiam o trabalho escravo

266


Mais uma prova de que os mais ricos, fazendeiros e banqueiros, estão mesmo unidos para acabar com os direitos do trabalhador e fazem do atual governo uma verdadeira marionete para atender os interesses do capital.


 


A notícia é de que os bancos privados e até o BNDES ignoraram a resolução do Banco Central sobre repasses de verbas a fazendeiros listados na lista suja do trabalho escravo e permitiram empréstimos no total de R$ 3,6 milhões a quem precariza de forma subumana as condições de trabalho no campo.


 


O pior é que o BC sabe das irregularidades e nada faz para punir. Em um primeiro relatório, foram encontradas 24 operações suspeitas e 14 foram avaliadas como violações da norma relacionada à lista suja. Só estes 14 registros correspondem a R$ 2,4 milhões.


 


Um absurdo aceito pelo governo Temer. Como resposta às negligências, o BC ainda teve o disparate de dizer que as ações de banqueiros e fazendeiros “não foram graves o suficiente”. 


Source: SAIU NA IMPRENSA – 500

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome