GREVE NACIONAL DOS BANCÁRIOS: Trabalhadores do BNB aderem ao movimento – Veja também atualização do quadro da greve 17h30

367



Como já era de se esperar os trabalhadores do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) aderiram à greve nacional e unificada da categoria,que teve início hoje (6). O movimento no Banco começou forte, a exemplo do que também acorreu nas demais instituições financeiras em todo o país.


Com essa atitude os funcionários do BNB dão uma grande e importante demonstração de unidade, organização e disposição de luta, o que traduz a insatisfação com a realidade pela qual passam em termos salariais, relações e condições de trabalho, principalmente nas agências, e assim dão um recado direto à administração do Banco de que, não só é urgente, como já está passando da hora de cuidar melhor dos Recursos Humanos da Instituição.


A AFBNB vem ao longo de anos expondo os problemas existentes na instituição também neste tocante e cobrando solução para os mesmos. Neste sentido se soma aos sindicatos e se insere na mobilização. Assim, a Associação reitera que, além das questões de natureza salarial, a exemplo do índice de reposição reivindicado (16%)e da participação nos lucros e resultados (PLR), a entidade reafirma a necessidade do atendimento das questões específicas como a revisão do plano de cargos e remuneração (PCR), isonomia de tratamento, previdência e saúde – recuperação do plano BD-Capef e retorno dos genitores dos funcionários ao plano natural da Camed -,fim do trabalho gratuito e do assédio moral, novos postos de trabalho, entre muitas outras, não podem ficar de fora das negociações, ou seja, não podem mais continuar sendo postergadas, conforme já enfatizado por diversas vezes pela Associação. (veja aqui)


Os trabalhadores do BNB, que não medem esforços para cumprirem os direcionamentos e o para alcance dos resultados, precisam ser reconhecidos e valorizados. Por isso mais uma vez a AFBNB manifesta o seu incondicional apoio aos mesmos nesta luta. Para tanto, os diretores da Associação estão na base, dialogando com os funcionários do Banco, mobilizando e “engrossando o caldo” da greve nos diversos estados de atuação da Entidade. Só a luta muda a vida!


A AFBNB mais uma vez conclama a todos para participarem ativa e efetivamente da greve, das atividades convocadas pelos respectivos sindicatos, das mobilizações, enfim. Também reforça o pedido para que sejam enviados os registros – fotos, filmagens etc, para que seja feita a divulgação no site da Associação e assim o movimento seja cada vez mais fortalecido.


Veja imagens da greve na galeria de fotos


Confira quadro de greve – 17h30


Alagoas – Todas as agências paradas: Arapiraca, Batalha, Coruripe, Delmiro Gouveia, Maceió (Farol, Jatiuca, Antares, Centro), Maragogi, Olho D’agua das Flores, Palmeira dos indios, Penedo, Rio Largo, Santana do Ipanema, São Miguel dos Campos, União dos Palmares


Bahia – Com exceção da agências de Candeias, todas as 62 agências do estado estão em greve.


Ceará – Passaré (Corporate, MPPR, Produtos e serviços, Ambiente de Sistemas de Informação, Governança de TI, Infraesttutura de TI, Crediamigo – todos de forma parcial) Centrais de Crédito de Fortaleza, Etene (Parcial), Sobral (as duas agências), Tauá e Cascavel.


Espírito Santo – Colatina, São Mateus e Linhares


Paraíba – João Pessoa (Varadouro, Epitácio Pessoa e Bancários), Bayeux, Alagoa Grande, Guarabira, Pombal, Solânea, Sumé, Campina Grande (Centro, Liberdade), Patos (parcial),


Maranhão – Timon, Codó, São Luís (Central de Crédito de Clientes Médio Porte, Central de varejo, Pronaf)


Minas Gerais – Diamantina, Montes Claros Centro, Pirapora, Montalvânia, São Francisco, além de Gerat MG ES, Central de Crédito Varejo MG ES, Porterinha (parcial), Brasília de Minas e Arinos


Pernambuco – Arcoverde, Bezerros, Goiana, Timbaúba, Paulista e Recife Centro


Piauí – Parnaíba (parcial), Floriano, Oeiras (parcial), Picos (Parcial), Urussuí, Valença do Paiuí, Teresina (Centro, Liceu)


Rio Grande do Norte – Todas as agências do Estado, com exceção de Macau: Angicos, Apodi, Assu, Caicó, Ceara-Mirim, Currais Novos, Goianinha, Jardim do Seridó, João Câmara, Macaíba, Mossoró Nova Betânia, Mossoró, Natal Centro, Natal Prudente de Morais, Natal Roberto Freire, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, Santo Antônio, São Gonçalo do Amarante, Umarizal 


Sergipe – Aracaju (Siqueira Campos, Centro, Jardim), Boquim, Carira, Estância, Itabaiana (as duas), Neópolis, Nossa S. da Glória, Nossa Senhora das Dores, Nossa S. do Socorro, Propriá e Tobias Barreto. 


Trabalhadores do BNB em Greve. A Associação ao lado dos trabalhadores!


Gestão Autonomia e Luta.


 


 


Source: Notícias – 500

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome