Livro premiado sobre o legado do economista baiano Rômulo Almeida vai ser lançado em Salvador

74

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

Livro premiado sobre o legado do economista baiano Rômulo Almeida vai ser lançado em Salvador

Ganhadora do Prêmio Brasil de Economia, na categoria de melhor livro do ano, a obra ‘O Brasil desenvolvimentista e a trajetória de Rômulo Almeida: projeto, interpretação e utopia‘ vai ser lançado em Salvador, no dia 10 de novembro, às 18h, Livraria Cine Metha Glauber Rocha, na Praça Castro Alves. O livro é de autoria de Alexandre de Freitas Barbosa, professor da USP. O evento vai contar com presença de professores da Ufba e o autor vai fazer uma exposição e debate sobre a pesquisa que deu origem ao livro.

O prefácio da obra é assinado por Gabriel Cohn, professor emérito da FFLCH- USP, e conta ainda com apresentação de Luiz Carlos Bresser Pereira, professor emérito da FGV. Ambos ressaltam a importância da obra, não apenas por recuperar o legado de Rômulo Almeida, mas também por destrinchar como o desenvolvimento nacional foi pensado e praticado no Brasil antes do golpe militar de 1964.

Rômulo Almeida

O baiano Rômulo Almeida, personagem central dessa trama, foi o chefe da Assessoria Econômica da Presidência da República no emblemático segundo governo de Getúlio Vargas. Ao longo de sua extensa carreira como economista, atuou em vários campos e foi responsável por inúmeros projetos que tiveram reflexo profundo nas vidas dos brasileiros. Entre esses projetos estão a idealização do Banco do Nordeste, Petrobras, Eletrobras, Polo Petroquímico e outras iniciativas que alavancaram o Brasil, o Nordeste e a Bahia.

Fruto de uma vasta pesquisa acadêmica, o historiador e economista Alexandre Barbosa inseriu o economista baiano no olho do furacão do Brasil Desenvolvimentista, que compreende o período de 1945 a 1964.

Serviço
Lançamento do livro ‘O Brasil desenvolvimentista e a trajetória de Rômulo Almeida: projeto, interpretação e utopia’, de autoria de Alexandre de Freitas Barbosa
10 de novembro, às 18h
Livraria Cine Metha Glauber Rocha, na Praça Castro Alves

Publicado por Hilza Cordeiro | Foto: Arquivo Nacional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome