Randolfe Rodrigues quer imposto sobre lucros e dividendos para bancar Bolsa Família

35

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) propôs a cobrança de Imposto de Renda sobre lucros e dividendos. A intenção é bancar a ampliação do Bolsa Família e do BPC (benefício pago a idosos carentes e deficientes)

'O ministro cometeu crime tal qual corrupção', diz líder da Rede sobre Moro
‘O ministro cometeu crime tal qual corrupção’, diz líder da Rede sobre Moro (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

247 – O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) propôs a cobrança de Imposto de Renda sobre lucros e dividendos.  A intenção é bancar a ampliação do Bolsa Família e do BPC (benefício pago a idosos carentes e deficientes).

Randolfe foi relator da medida provisória que instituiu a 13ª parcela do Bolsa Família no ano passado.

Segundo técnicos do Congresso, a medida poderia aumentar a arrecadação num valor entre R$ 97 bilhões e R$ 124 bilhões para este ano. O dinheiro seria distribuído entre União (51%) e estados e municípios (49%).

A matéria informa que “a proposta enfrenta resistência no Congresso e há expectativa do governo de que ela caduque. Ela perde a validade no dia 24 de março. Hoje, os lucros e dividendos não estão sujeitos à incidência do Imposto de Renda na fonte, nem integram a base de cálculo do imposto de renda do beneficiário.”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome