SBBA age e BNB tem de pagar dano moral

216


Após o Sindicato ir à Justiça, o BNB foi condenado pelo TRT (Tribunal Regional do Trabalho) a pagar R$ 200 mil a título de danos morais coletivos por impedir que bancários que moviam ações contra a instituição participassem do PDV (Programa de Demissão Voluntária).


O Sindicato ajuizou ação pedindo a nulidade da cláusula do PDV, que proibia a participação dos funcionários no programa, por entender que era ilegal. Com a decisão, a empresa fica impedida de impor a condição em outros PDVs e serve de parâmetro para que outros bancos não tenham a mesma atitude. 


Source: SAIU NA IMPRENSA – 500

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome