Sindicato ganha ação contra Banco do Brasil e garante abono do dia de greve

193


Os funcionários do Banco do Brasil (BB), que participaram da paralisação realizada no dia 28 de abril deste ano, terão o desconto que foi feito sobre os salários dos bancários estornado. A decisão caba de ser publicada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Essa é mais uma conquista do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, que impetrou ação judicial no início deste mês para garantir o direito dos trabalhadores à greve. No dia 31 de maio, a entidade também ganhou a ação da mesma natureza contra o Banco do Nordeste (BNB).


 


Para a direção da entidade, a decisão reforça a participação da categoria na greve geral, marcada para o próximo dia 30.


 


Para a presidenta do Sindicato, Suzineide Rodrigues, a instituição vem cumprindo com afinco seu papel de defender os direitos da categoria. “Não esmorecemos diante da conjuntura política muito favorável aos banqueiros. Ganhamos a ação contra o BNB e agora contra o BB. E vamos acessar todos os meios cabíveis para reverter a estranha decisão da 8ª Vara do Trabalho do Recife que indeferiu ação de mesma natureza contra a Caixa. Vamos seguir vitoriosos rumo à greve”, avalia.


 


Segundo o secretário de Assuntos Jurídicos do Sindicato, João Rufino, a equipe já está levantando outros recursos legais cabíveis para assegurar aos empregados da Caixa o direito à greve. “Estamos montando uma peça legal baseada na unificação de jurisprudência, ou seja, não é sustentável uma decisão judicial que vai de encontro à legislação trabalhista e à interpretação de vários juizados para casos idênticos”, critica.


 


Sobre a ação contra o BB, afirma a advogada da causa, Goretti Bezerra, o banco ainda pode recorrer da decisão liminar e pondera que “o juiz decidiu pelo não desconto do dia 28 de abril. Mas, precisará haver uma compensação das horas não trabalhadas, que poderá ser definida na próxima negociação coletiva ou no julgamento desta ação”, esclarece.


Source: SAIU NA IMPRENSA – 400

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome