Sindicato questiona BNB sobre retorno das atividades

58

Assim que tomou conhecimento do protocolo de retomada das atividades presenciais no BNB, o Sindicato dos Bancários da Bahia entrou em contato com a diretoria do banco para questionar as medidas. São quatro fases. A primeira começa no dia 6 de julho.

O Banco do Nordeste informou que atualmente os percentuais de trabalho presencial já são de 70% nas agências e 40% nas demais unidades. Com isso, segundo a empresa, o que está previsto na primeira fase já está sendo implementado na maioria dos locais de trabalho. Ou seja, não haveria um número grande de funcionários retornando.

A instituição financeira também informou que, a partir do dia 20, quando começa a segunda fase, haverá uma avaliação das condições em cada local. O Sindicato avaliou que a atitude do banco é inadequada. O processo poderia ter sido divulgado de acordo com a realidade de cada estado e cidade. Questionado, o banco alegou que precisava fazer um planejamento para retorno.

De acordo com o BNB, os empregados do grupo de risco só vão retornar em agosto. Afirmou ainda que se no período houver restrições em estados e municípios, os casos concretos serão avaliados e podem ser tratados diretamente pelos gestores com a diretoria do banco.

O SBBA ponderou ainda que os trabalhadores que estão em trabalho remoto estão produzindo e garantindo o pleno funcionamento das atividades, portanto, não haveria necessidade de retorno agora.

A diretoria da empresa afirmou que, de acordo com a análise de produtividade do banco, em razão de peculiaridades, algumas áreas não estão produzindo adequadamente com a mesma performance do trabalho presencial. O Sindicato pediu que fossem apresentadas as informações, mas a instituição disse que é uma política de gestão e que os dados não seriam disponibilizados. A entidade estuda medidas jurídicas em relação ao protocolo. O assunto será debatido do Congresso Estadual dos Funcionários do BNB, neste sábado (04/07), que acontece dentro da 22ª Conferência dos Bancários da Bahia e Sergipe.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome