AFBNB participa da 19ª reunião do Conselho Deliberativo da SUDENE

248



A AFBNB participou no dia 22 de setembro da 19ª Reunião Ordinária do Conselho Deliberativo da SUDENE (Condel), realizada no Instituto Brennand, em Recife (PE). A Associação foi convidada pela Superintendência da SUDENE e se fez representada pela presidenta Rita Josina Feitosa da Silva e pelos diretores Alberto Ubirajara e Edilson Rodrigues.


Por duas vezes esse ano, a AFBNB esteve reunida com a Superintendência da SUDENE, ocasiões em que ratificou a atuação da AFBNB, suas bandeiras de luta em defesa da região e das instituições de desenvolvimento, bem como o trabalho de acompanhamento legislativo que aponta para a necessidade da articulação, mobilização e o debate da política regional, defendendo em suas intervenções o recorte regional em todas as políticas públicas nacionais e o enfrentamento a projetos que fragilizam as instituições e a região (relembre aqui e aqui).


A mesma pauta tem sido tratada com as Confederações que representam a classe trabalhadora no Condel (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura/CONTAG, Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio/CNTC e Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria/CNTI), em um trabalho de parceria que resultou em um documento enviado ao Ministério da Integração com posicionamentos acerca da necessidade de uma luta conjunta em defesa da política regional (relembre aqui).


A 19ª reunião do Condel contou com a presença do Ministro da Integração, Helder Barbalho, com a representação dos Estados da área de atuação desta Autarquia; do Presidente do Banco do Nordeste do Brasil; dos representantes da classe empresarial indicados pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil; pela Confederação Nacional do Comércio e pela Confederação Nacional da Indústria; e representantes da classe dos trabalhadores indicados pela CONTAG, CNTC e CNTI.


Como o Conselho não se reunia desde 2013, a pauta tratou de vários pontos aprovados ad referendum, relacionados, por exemplo, à aplicação dos recursos do FNE e do FDNE de exercícios anteriores. A demora e a não periodicidade das reuniões foram criticadas por alguns dos presentes, opinião compartilhada pela AFBNB.


A participação da AFBNB é resultado da articulação que vem sendo construída e amadurecida junta às representações da classe trabalhadora no Conselho Deliberativo e à própria SUDENE na perspectiva de que a AFBNB também integre esse colegiado e que, de fato, o planejamento regional possa ser democratizado e valorizado no âmbito do Congresso Nacional e do Governo Federal. “É importante não só que haja periodicidade nas reuniões, mas que se viabilizem mecanismos para um planejamento como exigido pela Constituição Federal, não só no âmbito do crédito, mas de medidas estruturantes necessárias à redução das desigualdades na Região, com orçamentos previstos nas Leis orçamentárias anuais, e com participação e controle social. O Condel reúne importantes protagonistas da política regional cujo objetivo converge para a luta que a AFBNB trava no dia a dia”, avalia Rita Josina.


Saiba mais sobre a reunião aqui

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome