Lucros dos maiores bancos devem ultrapassar os R$100 bilhões em 2022

393
 

Não importa o que aconteça, os lucros dos bancos são sempre fantásticos. Em 2022, os lucros apenas dos cinco maiores bancos que atuam no país – Itaú, Banco do Brasil, Bradesco, Santander e Caixa- devem ultrapassar os R$ 100 bilhões, mesmo com o aumento da provisão para devedores duvidosos (PDD), para cobrir os prejuízos com o calote das Americanas.

Os balanços divulgados até o momento já somam R$ 96,218 bilhões, mas ainda falta a divulgação do lucro da Caixa, que já tinha um ganho acumulado de R$ 7,6 bilhões até setembro de 2022.

O melhor resultado até agora foi do BB, que obteve o lucro recorde de 31,8 bilhões no ano passado, com crescimento de 51,3% em comparação com 2021. O Itaú vem logo em seguida, com R$ 30,786 bilhões, um incremento de 14,5% em um ano. O ganho só não foi maior, devido aos R$ 719 milhões de PDD para cobrir as Americanas.

No Bradesco, o lucro em 2022 foi de R$ 20,732 bilhões, um recuo de 5,5% em relação à 2021. Mas, segundo o próprio banco, sem o caso Americanas, o lucro seria de R$ 23,3 bilhões. O Santander também viu seu lucro cair 21,1%, por causa das Americanas. Ainda assim, o banco espanhol teve o lucro líquido de R$ 12,9 bilhões no ano passado.

Com estes resultados, os banqueiros não têm do que se queixar. É uma pena que parte dos ganhos não sejam utilizados para melhorar as condições de trabalho dos bancários e o atendimento aos clientes. O aumento do número de agências e a contratação de mais funcionários seria um ótimo investimento.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome