Para 69% dos brasileiros, país está em declínio

23

São inúmeros os retrocessos impostos ao Brasil desde o golpe jurídico-midiático-parlamentar de 2016. O cenário piorou com o governo Bolsonaro. O país desce a ladeira como um carro desgovernado e o cidadão sente. Mais de dois terços (69%) dos brasileiros acreditam que o Brasil está em declínio.

O índice é o maior entre as 25 nações pesquisadas pela realizada pela empresa Ipsos. A média mundial é de 57%. O avanço das forças conservadoras na maioria dos países contribui para uma pior percepção da realidade.

No Brasil, a vida tem piorado muito. A desigualdade social disparou. O desemprego é recorde. Quase 15 milhões de pessoas estão sem trabalho. A fome tira o sono e a vida de milhões todos os dias.

Paralelamente, o dia a dia corrido, a pressão no trabalho, as incertezas sobre a economia, as ameaças do governo Bolsonaro com mais retirada de direitos, o aumento do custo de vida. Tudo isso deixa as pessoas esgotadas. Doentes e com a percepção de que tudo está mudando, para pior. A pandemia também tem influência.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome