Seeb-RN denuncia desrespeito ao Acordo Coletivo do BNB

739

A AFBNB divulga e endossa nota do Seeb-RN em que denuncia (e repudia) o descumprimento da Cláusula 39 da Convenção Coletiva de Trabalho, firmada entre sindicatos e FENABAN, que proíbe a divulgação de ranking individual dos seus empregados com resultados alcançados.

A matéria vai ao encontro do que a Associação já pautou mais recentemente quando replicou nota do Sindicato do Bancários do Maranhão a respeito da questão de comissionamento/descomissionamento e de concorrências.

Assim como fez na ocasião anterior, a AFBNB presta sua solidariedade aos trabalhadores e reafirma seu posicionamento  sempre em favor da valorização e do respeito aos funcionários do Banco.

Leia a nota do Seeb RN.

O Sindicato dos Bancários do RN vem a público repudiar a iniciativa do Banco do Nordeste pelo descumprimento da Cláusula 39 da Convenção Coletiva de Trabalho, firmada entre sindicatos e FENABAN, que proíbe a divulgação de ranking individual dos seus empregados com resultados alcançados. 
O BNB violou as regras ao enviar por e-mail documento contendo a lista com os nomes de bancários(as) de diversos estados do país lotados na plataforma Ambiente das Centrais de Concessão de Créditos e seus respectivos destaques de produtividade.
O SEEB-RN enviará denúncia ao Ministério Público do Trabalho (MPT) para que as autoridades tomem conhecimento da infração e para que se apliquem as punições cabíveis. 
O BNB, ao fazer rankings individuais, adota uma política de gestão temerária, que possibilita ataques à existência da Instituição desenvolvimentista e a seu corpo funcional. Por isso, ao denunciar esta prática, o SEEB-RN está defendendo o próprio banco contra seus gestores irresponsáveis; e defendendo os funcionários, alvos de constantes perseguições e de descomissionamentos absurdos, com critérios subjetivos. 
Sindicato dos Bancários do RN – Independente e de luta!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome