AFBNB promoverá seminário sobre a relação de trabalho e saúde mental. Inscreva-se e participe!

248

O total de bancários afastados por transtornos mentais cresceu 61,5% em oito anos. Os dados são de 2019, consolidados pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região a partir de informações do INSS e já eram extremamente preocupantes. Com a pandemia causada pelo coronavírus o adoecimento causado ou agravado pelas relações de trabalho intensificou-se. Estudo realizado pela Associação de Gestores da Caixa no Rio de Janeiro (Agecef-Rio) e o Dieese, especificamente com bancários da Caixa Econômica, revelou  que 88% dos trabalhadores ouvidos declararam ter tido sentimentos negativos, como ansiedade, depressão, angústia e pânico, consequência da sobrecarga de trabalho e da cobrança de metas absurdas.

O fato é que a pandemia de coronavírus ainda está longe de ser debelada e deixará cicatrizes profundas em todos nós, atingidos de uma maneira ou de outra pelo vírus e com repercussões na saúde mental: crises de ansiedade, pânico, síndrome de burnout, esgotamento mental…

Independente da pandemia, a AFBNB recebe recorrentemente relatos de situações que ocasionam e agravam problemas de saúde nos trabalhadores do BNB, o que motivou a entidade a organizar um encontro virtual para tratar do assunto. O seminário “Trabalho Bancário e Saúde Mental” será no dia 20 de novembro, das 9h às 12h, pela plataforma zoom e contará com a mediação da psicóloga Solange Silva. Inscreva-se através do email comunicacao@afbnb.com.br, divulgue com seus colegas e participe!

Todos por todos!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome