Decon interdita agência do BNB em Sobral

301


O Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon) interditou na manhã de hoje (25) a única agência do BNB em Sobral – já que a outra unidade foi fechada pelo processo de reestruturação.


Segundo informações apuradas pelos diretores da AFBNB, Assis Araújo e José do Egito – que tinham ido à cidade justamente para se reunir com os funcionários do município para tratar de questões relacionadas ao processo de reestruturação em curso – a interdição é por tempo indeterminado e se deve à “falta de conformidade” de documentações como laudo de um equipamento de para raio e alvará de funcionamento.


Funcionários e clientes foram pegos de surpresa e estão atônicos. Alguns clientes com quem a AFBNB conversou, que estavam no Banco para receber do agroamigo e crediamigo, não tinham sequer dinheiro para voltar para casa. Os funcionários estavam decepcionados e ainda sem saber o que fazer.


Não é de hoje que a Associação denuncia e cobra do Banco um olhar mais atencioso às necessidades de infraestrutura das agências. Ainda mais porque é na agência que são feitos contratos, aplicado o crédito; onde há a atração de clientes, onde se estabelece vínculo com a sociedade e se consolida enquanto instituição, onde estão lotados grande parte de seus trabalhadores.


É inadmissível que as agências (trabalhadores e clientes) sejam tratadas dessa forma. Se procederem as denúncias, é gravíssimo que uma agência funcione sem que todos os requisitos de segurança estejam em conformidade ao exigido pelas autoridades. A Associação solicitará reunião com o Banco para tratar mais uma vez sobre as condições das agências. Por oportuno, a entidade manifesta solidariedade aos colegas da agência de Sobral, bem como em outras unidades que estejam passando por “vexames” dessa e de outra ordem que acarretem constrangimento e insegurança no ambiente de trabalho.


O trabalhador do BNB e a sociedade merecem respeito!


Gestão Unidade e Luta 


DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome