Sudene aprova financiamento para complexo de parque solar no Ceará

5

Os parques contarão com recursos superiores a R$ 422 milhões do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste.

Está prevista a implantação de um complexo de parque solar fotovoltaico de geração de energia elétrica com capacidade instalada de 163,7 MW, no município de Abaiara (CE). Serão cinco parques (Lightsource Milagres I, II, III, IV e V Geração de Energia Ltda). Os quatro primeiros contam com investimentos totais de R$ 145,2 milhões (cada) e participação de R$ R$ 77, 8 milhões (cada) do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE). O investimento total do Lightsource Milagres V será de R$ 201,7 milhões, enquanto o financiamento do fundo administrado pela Sudene será de R$ 111,7 milhões. Ao todo, são R$ 782,6 milhões de investimentos totais, com a participação de R$ 422,9 milhões do FDNE.

O complexo solar vai gerar cerca de 800 empregos diretos e 2 mil indiretos na fase de implantação. Quando estiver em operação, a estimativa é de que sejam 10 postos de trabalho diretos e 30 indiretos. De acordo com a Coordenação-Geral de Fundos de Desenvolvimento e de Financiamento da Superintendência, o projeto também vai proporcionar “a geração de renda por meio do arrendamento de terras onde será implantado”. A primeira liberação do Fundo deve ocorrer ainda este ano.

O Fundo de Desenvolvimento do Nordeste financia grandes projetos de infraestrutura e vem sendo um grande aliado da Sudene nas ações em prol do setor de energia renovável. Segundo informações do superintendente da Autarquia, Evaldo Cruz Neto, os fundos regionais (FNE e FDNE) foram responsáveis, só em 2020, pelo repasse de R$ 8 bilhões para fomentar projetos de energias renováveis na área de atuação da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste. Para o gestor, essas ações contribuem com a busca de soluções para a crise hídrica que o País vem enfrentado.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome