Descaso do governo prejudica Previdência

248


De acordo com um estudo do Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho), 33% das contribuições previdenciárias do trabalhador não foram adicionadas aos cofres do INSS em 2015. Ou seja, quase R$ 30,4 bilhões deixaram de ser arrecadados por conta de sonegação ou inadimplência. 


Importante destacar que o montante é responsável por 35% do déficit que o governo Temer alega existir. Entre os causadores das fraudes mais recorrentes estão os empresários que pagam contribuições menores do que devem. 


Sem contar as empresas que descontam a contribuição previdenciária do salário do trabalhador e não a repassa ao INSS, o chamado crime de apropriação indébita. A análise só demonstra que o problema na Previdência está atrelado à gestão. Pura malandragem. 


Source: SAIU NA IMPRENSA – 300

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome