Presidente do BNB – AFBNB marca presença no ato de posse e aguarda reunião

239



Diretores da Associação presente à posse de Marcos Holanda


Na última sexta-feira (15) a AFBNB se fez presente à solenidade de posse do presidente do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Marcos Holanda, representada pela Presidente Rita Josina e pelos diretores Jose Frota de Medeiros, Assis Araújo, Alberto Ubirajara e Rheberny dos Santos. O ato contou com a participação de parlamentares locais e demais estados da região, além de representantes e chefes do poder executivo estadual e federal.


Em seu discurso, o presidente destacou que o BNB deve ser não apenas “mais um” banco de desenvolvimento, mas sim “o” Banco de desenvolvimento, que cumpre uma missão peculiar de muitas vezes chegar aonde outros bancos não chegam, sendo um “gerador de inteligência local”. Pontuou ainda princípios que julga importantes no BNB como a meritocracia, a inovação e a integridade dos funcionários.


A propósito da ênfase para o desenvolvimento, a AFBNB preconiza que este deve ser tratado como prioridade, por ser o diferencial e a expertise do Banco. Esse entendimento sempre foi defendido pela Associação, desde sua criação, há 29 anos, exposto e reforçado por várias vezes, inclusive em documentos – elaborados pela Entidade e divulgados junto aos diversos segmentos da sociedade, a exemplo dos parlamentares, governos e movimentos sociais. A publicação mais recente neste sentido é a cartilha “Nordeste, sem ele não há solução para o Brasil” – com uma forte ênfase de que é necessário inserir o recorte Regional nas políticas públicas, cabendo ao BNB um papel relevante e imprescindível nesse âmbito, além dos aspectos referente aos Recursos humanos na Instituição, a qual foi entregue aos presidenciáveis e enviada a presidência da República após a conclusão do processo eleitoral.


Da mesma forma como sempre procedeu quanto às sucessivas gestões do Banco, sobretudo quanto ao titular da Presidência, a AFBNB já está buscando a interlocução com o presidente ora empossado na perspectiva do diálogo acerca das questões pertinentes ao BNB, tanto sobre os aspectos institucionais quanto ás questões de Recursos Humanos e relações de trabalho. Antes mesmo da posse do Presidente, tão logo se deu a sua nomeação, um ofício foi encaminhado ao Banco com pedido de audiência (lembre aqui).


A AFBNB saúda o novo gestor, na expectativa de que sua jornada à frente do BNB possa dar respostas positivas às demandas históricas dos trabalhadores, a exemplo do Plano de Cargos e salários, dignidade previdenciária e de saúde, isonomia de tratamento, fim do trabalho gratuito e das práticas de assédio moral, quitação dos passivos trabalhistas, reintegração dos demitidos, revogação das medidas abusivas na Camed (retorno dos genitores dos associados da Camed ao plano Natural), efetivação do aumento do capital social do Banco já aprovado em lei específica pela Presidência da República, entre outras.


Neste sentido, a Associação aguarda a confirmação da audiência solicitada. Por oportuno, reitera sua disposição de sempre estar aberta ao diálogo com o Banco, e demais segmentos, na perspectiva de construir alternativas que se materializem em  benefícios para o BNB  e para os trabalhadores da Instituição  


AFBNB ao lado dos trabalhadores


Gestão Autonomia e Luta


Source: Notícias – 600

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome