Montes Claros realiza atividades para III Semana de Mobilização da AFBNB

221
A agência de Montes Claros, Minas Gerais, realizou reunião, na última quarta-feira (21), dentro das atividades sugeridas para a III Semana de Mobilização por um Nordeste e BNB melhores, que tem como tema para esse ano “Pelo fim das desigualdades regionais e pela valorização dos trabalhadores”.
Os trabalhos foram conduzidos por dois representantes da Associação: Reginaldo Medeiros, de Montes Claros; e Benedito Nunes, de Januária. De antemão, os funcionários do Banco presentes à reunião assinaram o abaixo-assinado que propõe o restabelecimento da licença-prêmio; uma solução para as distorções geradas no Plano de Previdência Complementar na modalidade BD; além da reformulação do Plano de Cargos e Remuneração (PCR).
Após a assinatura, foi lido o documento “Pelo Fim das Desigualdades Regionais e Valorização dos Trabalhadores do BNB”, seguindo-se a discussão do novo Plano de Funções, quando foram abordadas especificidades tais como valorização e escalonamento em mais três níveis das funções de Gestão Intermediária das Agências, como a função dos Gerentes de Suporte a Negócios que já trabalham no mínimo oito horas e têm apenas um nível e com função inferior atualmente a dos analistas que são de apenas seis horas.
Na sequência, pediu-se respeito ao princípio da isonomia para todos os Analistas das Centrais de Retaguarda Operacionais que prestam o mesmo serviço e estão sem comissão. Foi discutido igualmente que o nome Agentes de Desenvolvimento é uma marca das mais fortes dentro do BNB e, sendo assim, tal função deve ser bem mais valorizada. A Caixa de Assistência Médica dos Funcionários do BNB (Camed) também foi assunto pautado durante a reunião. Destarte, foi lido o documento da Camed que explicita que fazendo-se ajustes e aperfeiçoando o modo de administrar, a Caixa de Assistência alcança facilmente o superávit desejado.
Dentro dos assuntos discutidos, abordou-se também questões de cunho jurídico, esclarecendo que é peculiar aos sindicatos a impetração de ações judiciais. Finalmente, foi discutida a questão da Ética no BNB e no serviço público em geral. A solicitação é para que sejam cumpridos os próprios normativos de Pessoal do BNB, que determina que todo comissionamento seja precedido de concorrência ampla, geral e irrestrita a todos os funcionários do Banco, acabando com indicações, que ferem os princípios de impessoalidade, transparência e moralidade previstos no Art. 37 da Carta Magna.
A III Semana de Mobilização da AFBNB segue amanhã, sexta-feira. Você, caro representante, que ainda não realizou atividades relativas à Semana em sua agência, corre que ainda dá tempo. Mobilize-se, junte os colegas e discutam questões do seu interesse e de todos. Vamos lá! A mobilização é um dos caminhos para a transformação!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome