AFBNB reitera demandas em reunião virtual com direção do BNB

256

Dando continuidade à linha de ação adotada desde a instalação do quadro de pandemia do Coronavírus (Covid-19), a AFBNB mais uma vez manteve interlocução com a direção do Banco do Nordeste do Brasil(BNB). As incursões vêm sendo adotadas também Junto às entidades coligadas – Camed e Capef – e também a outras instituições/instâncias, sempre no intuito de apresentar demandas dos associados.

Assim, na última segunda-feira (18), ocorreu uma reunião por meio virtual entre as duas partes. Pela AFBNB participaram a diretora-presidente Rita Josina, e os diretores Dorisval de Lima e Waldenir Britto; pelo BNB, o Presidente Romildo Rolim, o diretor de administração Cláudio Freire e o chefe de gabinete da presidência, José Andrade. Na pauta, os pontos do ofício enviado no último dia 14, no qual a AFBNB reivindica, dentre outras questões , a padronização de procedimentos no enfrentamento à COVID-19 (relembre aqui).

De acordo com os gestores do Banco, há um Protocolo de Contingência Covid-19 e os episódios pontuais de unidades ou funcionários infectados estão sendo acompanhados caso a caso. O BNB informou que está seguindo orientação da Fenaban e da Instrução Normativa 21 do Ministério da Economia – que estabelece orientações aos órgãos e entidades do Sistema de Pessoal Civil da Administração Pública Federal quanto às medidas de proteção para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (COVID-19). Informou também sobre a segunda remessa de máscara para as unidades.

Sobre as medidas de saúde, tanto na prevenção quanto no acompanhamento de casos suspeitos, o Banco destacou os programas “Telemedicina”, “Mexa-se”, “De bem com vc mesmo” e o acompanhamento psicológico disponibilizados pela Camed; informou que há cobertura via Caixa Médica em casos de Covid e que a vacinação contra H1N1 foi prorrogada por mais uma semana, sendo que não mais nas unidade do Banco, sim em clinicas credenciadas para o referido serviço.

Os gestores da instituição reiteraram que, para os trabalhadores que se encontram em grupo de risco, a orientação é por medidas como teletrabalho ou férias antecipadas.

A AFBNB pautou também a informação divulgada essa semana na imprensa de que a empresa Icatu Seguros assumirá a operação de seguros de vida e previdência do BNB, após vencer concorrência, ao que o Banco informou tratar-se de balcão de seguros e que isso não interfere na política de demanda diferenciada, política adotada nos atendimentos a procedimentos que não estão contemplados no rol da ANS.

Quanto às questões de caráter financeiro, bastante demandadas pelos associados e que recorrentemente tem sido encaminhadas, o Banco informou a antecipação de tíquetes e a suspensão da cobrança de parcelas de empréstimos CDC e férias, mas descartou a antecipação de salários. Especificamente no que se refere à EAP, informou que o Conselho Deliberativo da Capef analisará as demandas encaminhadas pela AFBNB, em ofício enviado no último dia 11 (relembre aqui).

Questionados sobre previsão de contratação de novos trabalhadores, o Banco informou que vai chamar nos próximos dias seis aprovados em concurso para completar o quadro, hoje em 6918 funcionários.

Os dirigentes da AFBNB reafirmaram a luta da entidade em defesa dos trabalhadores e pelo fortalecimento do Banco, com a ênfase de que sua ação está sendo intensificada, sobretudo e apesar da situação pandemia. A Associação segue acompanhando projetos e medidas que podem impactar no BNB, em interocução permanente junto ao parlamento e demais instâncias envolvidas, no sentido de fazer contraponto ao que avalia ser desfavorável e de fazer valer o que agrega positivamente, em cumprimento à sua missão.

AFBNB ao lado dos trabalhadores!

Gestão História e Autonomia para lutar – a AFBNB em ação sempre.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome