Debates acerca das ações institucionais da AFBNB marcam a manhã do primeiro dia da 48ª da RCR

238



A 48ª Reunião do Conselho de Representantes da AFBNB teve início na manhã desta segunda feira (17) em Brasília (DF).  Discussões e debates sobre o tema geral do evento e de questões dos trabalhadores foram colocadas em destaque, como nivelamento acerca das ações institucionais desenvolvidas pela Associação, bem como os projetos e lei e emendas à Constituição acompanhados no Congresso Nacional. A abordagem ficou a cargo do diretor de ações institucionais, Alci Lacerda, que ressaltou a importância de que cada representante possa fazer seu trabalho de base e observar junto ao site da Associação os desdobramentos políticos das referidas ações.


Participaram da mesa de abertura, além da Presidenta da AFBNB, Rita Josina, o representante da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Jacy Afonso; o representante  da CSP-Conlutas, Almir César Baptista; Fábio César Ginaldes, representando o BNB; a conselheira representante eleita pelos trabalhadores do BASA, Silvana Silva; o Presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, representando a CTB, Augusto Vasconcelos; o Presidente da Camed, Ocione Mendonça, e o representante da AABNB, José Maria Galas.


Os convidados saudaram os representantes e destacaram a importância da unidade dos trabalhadores em torno de projetos comuns para o Nordeste e para a classe trabalhadora, dentro de uma política nacional desenvolvimentista que deve ter a Região como foco de atuação do Governo e de seus investimentos.


O final da manhã foi aberto aos participantes para um debate sobre o assunto, sobre sugestões de alteração de pontos do Estatuto e demais demandas gerais dos funcionários. Democraticamente cada um teve seu momento de falação com depoimentos a respeito de assuntos específicos do Banco e da conjuntura política nacional. As propostas encaminhadas serão compiladas e discutidas na parte da tarde onde haverá a discussão em torno da elaboração da Carta de Brasília – documento que reforça o pensamento da AFBNB acerca do desenvolvimento regional e da necessidade do recorte regional em todas as políticas, projetos e propostas do Governo Federal.


A Carta de Brasília será entregue amanhã  durante o seminário Nordeste, sem ele não há solução para o Brasil, no auditório Nereu Ramos na Câmara dos Deputados, evento que ocorre dentro da programação da 48ª RCR.


Source: Notícias – 600

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome